sexta-feira, 18 de junho de 2010

Teatro das mentiras

Palmas para o senhor iconoclasta
Que vive se escondendo da realidade.
Saúdo-te oh gran’ator
Que dentre muitas coisas
A que melhor fazes é mentir!

Ah, se um dia tu vieste para a realidade.
Verás o quão cruel é a vida,
Por acaso queres sentir a dualidade dos sentimentos?
Por aqui muitos já passaram e poucos agüentaram
Crês que poderás conviver com tudo isso?
Volta-te para o palco, pois lá é sua habitação.
Volta-te ao mundo das mentirás,
Ao menos não sentirás o terror de nossos dias.

Nenhum comentário: