quinta-feira, 17 de junho de 2010

Às vezes

Talvez um dia eu chore
Por você estar tão perto
E tão longe ao mesmo tempo.
Talvez um dia eu diga:
Nós éramos amigos.
E isso faça uma lágrima correr no meu rosto,
Quando eu estiver escondido em mim mesmo.
Talvez um dia
Minha armadura se quebre,
E todos posam ver minha nudez mental.
Talvez um dia
Eu minta para mim mesmo,
Dizendo que você se lembrou de mim,
Ou talvez isso nunca aconteça.
Talvez um dia eu me lembre
Que fui eu que estraguei tudo,
E isso o tempo não apaga...

Um comentário:

Mes meilleurs souvenirs disse...

Chorei quando li...as vezes tenho a sensação que vc sente quase como eu.

continue assim escrevendo assim.
bjs